8 alternativas para fugir das multidões em destinos populares

Viajar é descobrir, vivenciar e absorver a cultura local, mas conhecer os destinos mais populares geralmente envolve enfrentar multidões e preços altos. Esta seleção apresenta oito alternativas de cidades onde você pode se divertir, comer bem e conhecer pontos turísticos maravilhosos sem filas e gastando menos. De cidades europeias a praias do Caribe, reserve uma passagem para um desses destinos e descubra o que você está perdendo.

1. Em vez de Paris, apaixone-se por Lyon

Um centro histórico incrível, museus magníficos e a melhor comida da França.

Como a terceira maior cidade francesa, Lyon geralmente é ignorada em favor da famosa capital. A Cidade Luz é maravilhosa, mas Lyon também brilha – e sem a aglomeração de Paris.

Se experiências gastronômicas estiverem no topo da sua lista, Lyon é a escolha óbvia - esta é a capital gastronômica da França, com mais de 20 estrelas Michelin espalhadas por uma área relativamente pequena, um mercado tão bom que recebeu o nome de um dos maiores chefs da história, Paul Bocuse, e diversos bouchons charmosos, onde a comida típica francesa é barata, mas preparada com excelência.

Um décimo da cidade é Patrimônio Mundial da UNESCO, incluindo seu belo centro histórico. Você não vai encontrar a "Mona Lisa" em Lyon, mas nem por isso seus museus são menos impressionantes: o Museu de Belas Artes, o Museu de Arte Contemporânea e o Musée des Confluences valem os ingressos, que geralmente custam metade do que você pagaria em Paris.

Em termos de clima, Lyon tem verões um pouco mais quentes e invernos mais frios, mas chove menos do que em Paris. Além disso, chegar lá é bem simples, com conexões rápidas entre Lyon e seu aeroporto, e uma estação com conexões de trem de alta velocidade bem no centro da cidade. 

Experiências imperdíveis em Lyon

2. Pule Barcelona e visite Valência

Arquitetura extraordinária, praias espaçosas, história riquíssima e paella.

Enquanto Barcelona é conhecida por sua incrível arquitetura de Gaudí e pela agitada La Rambla, Valência tem uma energia mais descontraída, com atrações igualmente impressionantes. A Cidade das Artes e das Ciências, projetada por Santiago Calatrava, é uma maravilha arquitetônica moderna, e o Museu de Belas Artes de Valência é a segunda maior galeria de arte do país.

A cidade espanhola também é o berço da paella, e amantes da gastronomia podem se deliciar com a versão mais autêntica desse prato icônico e delicioso. O centro histórico de Valência apresenta uma mistura da arquitetura romana, mourisca e espanhola, sendo provavelmente a Plaza Redonda, que data de meados do século XIX, seu monumento mais singular e fotogênico.

Ao contrário das praias lotadas de Barcelona, as de Valência são bastante espaçosas. Além disso, por ficarem a apenas 300 km ao sul da mesma costa das Ilhas Baleares, desfrutam de muito sol e das mesmas vistas. O Jardín del Turia, um parque que já foi o leito de um rio, é um espaço urbano único, perfeito para dias de descanso e caminhadas com paisagens deslumbrantes.

Experiências imperdíveis em Valência

3. Esqueça Dubrovnik e explore Kotor

Uma baía de tirar o fôlego, charme medieval e tranquilidade no Adriático.

A popularidade de Dubrovnik, em parte graças à sua associação com a série "Game of Thrones", tornou a cidade um ponto turístico de destaque. Mas basta cruzar a fronteira, da Croácia para Montenegro, para desfrutar do mesmo charme antigo e beleza à beira-mar em Kotor, e com apenas uma fração dos turistas. A Baía de Kotor, Patrimônio Mundial da Unesco, fica situada no fiorde mais ao sul da Europa e oferece uma experiência mais intimista do que a agitada Dubrovnik, além de um centro histórico e praias deslumbrantes.

Passeie pelas ruas labirínticas do centro histórico para conhecer praças charmosas, igrejas centenárias e cafés onde o almoço e uma cerveja podem custar menos de 10 euros. Amantes de gatos vão morrer de amores pelos residentes felinos de Kotor, que descansam sob o sol da tarde. Há até um Museu do Gato dedicado a eles. Para um pouco mais de aventura, vale a pena fazer uma caminhada ao longo das muralhas da fortaleza medieval que serpenteiam a montanha atrás de Kotor - as vistas panorâmicas da baía e da cidade abaixo valem o esforço.

A praia é perfeita para um dia de sol, e há muitos passeios de barco pela Baía de Kotor. Indo um pouco mais longe, você pode conhecer atrações impressionantes como a Gruta Azul e a Nossa Senhora das Rochas, uma igreja em uma das pequenas ilhas da baía.

Experiências imperdíveis em Kotor

4. Passe Nova Iorque; voe para a Filadélfia

Rica em história, uma cena gastronômica incrível e muitas áreas verdes.

Dizem que Nova Iorque é a cidade que nunca dorme, mas a descontraída Filadélfia não se importa em tirar um cochilo quando precisa. Local de nascimento dos Estados Unidos, a cidade abriga o Sino da Liberdade, o Independence Hall – onde a Declaração de Independência e a Constituição dos EUA foram debatidas e assinadas – e outros monumentos icônicos que desempenharam um importante papel na história americana. A President's House é um museu a céu aberto que conta a história dos africanos escravizados que foram trabalhar na primeira mansão executiva do país. Você também pode ver as celas ocupadas por Al Capone e outros detentos famosos na Eastern State Penitentiary.

Amantes de cinema também têm seu espaço na história da Filadélfia – os Degraus de Rocky, no Museu de Arte da Filadélfia, exibem uma estátua do boxeador no topo. Não deixe de tirar uma selfie com ele depois de simular a cena icônica.

Ouviu maravilhas da cena gastronômica da Filadélfia? Pode acreditar na propaganda – a cidade tem muito mais do que apenas cheesesteaks e pretzels, embora eles sejam absolutamente obrigatórios. O Reading Terminal Market oferece pratos deliciosos e diversificados, e lanchonetes como a Wawa são famosas por seus hoagies, a versão recheada do sanduíche da Filadélfia. Os amantes da cerveja artesanal também não vão querer perder a cena das cervejarias locais. Precisa de espaço para fazer uma caminhada? O Fairmount Park, na Filadélfia, é o maior parque paisagístico do mundo – chora Central Park.

Experiências imperdíveis na Filadélfia

5. Em vez de Amsterdã, vá para Hamburgo

Um porto movimentado, uma sala de concertos incrível, uma vida noturna vibrante e ainda mais canais.

Amsterdã é famosa por seus canais, mas Hamburgo tem mais canais do que a capital holandesa e Veneza juntas. A história marítima singular da cidade alemã, com seu enorme porto e vias navegáveis, foi reconhecida pela Unesco. A centenária Speicherstadt, literalmente "Cidade dos Armazéns", é o maior distrito de armazéns do mundo e serviu ao porto da cidade, que já foi o principal centro comercial da Europa. Embora seja um monumento histórico protegido, ele está sendo cuidadosamente renovado por empresas modernas.

A atração mais marcante do porto de Hamburgo é a Elbphilharmonie, uma sala de concertos e um feito notável de engenharia que vale a visita, mesmo que seja apenas pela vista. Há muitas outras atrações imperdíveis que rivalizam com Amsterdã: a Igreja de São Miguel, em estilo barroco; o Mercado de Peixes de Hamburgo; Planten un Blomen, o enorme parque da cidade com lago, fontes dançantes e playgrounds; Rickmer Rickmers, um museu marítimo flutuante; e o Hamburger Kunsthalle, um dos museus de arte mais importantes da Europa, com uma coleção que abrange sete séculos, de Rembrandt a Bacon.

Para quem curte uma festa, na Reeperbahn e no bairro St. Pauli você encontra a vida noturna mais animada de Hamburgo, com muitos bares, clubes e cafés noturnos. O bairro lembra o Distrito da Luz Vermelha de Amsterdã, mas com um clima mais local, shows de drags fantásticos e música ao vivo.

Experiências imperdíveis em Hamburgo

6. Pule Tóquio e siga para Kyoto

Edifícios tradicionais, templos antigos, cerimônias fascinantes e Zen.

As luzes neon e os arranha-céus de Tóquio são fascinantes, mas Kyoto oferece uma visão mais autêntica da rica história e cultura do Japão. A cidade tem uma população de apenas 1,4 milhões de pessoas, em comparação aos 14 milhões de Tóquio, e é um tesouro cultural. No bairro de Gion, um encontro com uma geiko ou maiko (gueixa de Kyoto) é uma oportunidade de conhecer um mundo fascinante, misterioso e incompreendido. Você também encontra muitas experiências transformadoras e meditação nos mais de 2.000 templos e santuários da cidade.

Em Kyoto você também pode explorar as tradicionais casas machiya e os incríveis eventos sazonais, como a floração das cerejeiras em abril e o Festival de Gion em julho, com seus carros alegóricos coloridos e música. Desfrute das cerimônias do chá e da deliciosa culinária kaiseki. Não deixe de experimentar wagashi, doces tradicionais japoneses em formatos criativos, e a shojin ryori, culinária vegetariana dos monges de Kyoto.

Se você quiser descomprimir da energia frenética de Tóquio ou de qualquer cidade agitada de onde você venha, o Bosque de Bambu de Arashiyama, em Kyoto, oferece um refúgio de tranquilidade.

Experiências imperdíveis em Kyoto

7. Troque Tulum pelas praias e babuínos de Belize

Praias intocadas, ruínas maias antigas e um ecossistema marinho diversificado.

As praias mais ao leste do México, como Tulum e Cancún, são certamente belíssimas, mas Belize oferece uma experiência mais diversificada no mesmo litoral. O país abriga a segunda maior barreira de corais do mundo, com todas as incríveis experiências de mergulho com snorkel e com cilindro que ela oferece. O Grande Buraco Azul é o paraíso dos mergulhadores. As praias de Belize são muito mais tranquilas do que as do México. Ainda assim, é preciso se esforçar um pouco mais para chegar até elas, sendo que as melhores ficam na Península de Placencia e em Cayos, ilhas espalhadas ao longo do recife na costa da Cidade de Belize.

Para além do litoral, você encontra florestas tropicais e montanhas deslumbrantes. Amantes de animais não podem perder as reservas de vida selvagem e o Community Baboon Sanctuary, a cerca de 48 km da Cidade de Belize. As antigas ruínas de Caracol e Xunantunich são peças fascinantes da história, e a Reserva Arqueológica de Lamanai é um dos sítios arqueológicos maias mais impressionantes e antigos da Terra.

Comer na Cidade de Belize é maravilhoso, com uma cena fantástica de comida de rua e sabores de várias regiões e culturas, dos maias ao crioulo e indiano oriental. Os pratos imperdíveis incluem frango ensopado de Belize com arroz e feijão, panados apimentados, ceviche e tortas de coco, acompanhados de uma cerveja Belikin ou água de coco fresca.

Experiências imperdíveis em Belize

8. Clima de Veneza em Bruges

Canais de contos de fadas, arquitetura medieval e romance longe das multidões.

Bruges, conhecida como a "Veneza do Norte", oferece um charme semelhante ao de sua congênere italiana, mas sem as multidões e os preços altos. O centro medieval da cidade, Patrimônio Mundial da Unesco, é um labirinto de canais pitorescos e ruas antigas. Conheça a Grote Markt, cercada por edifícios históricos, e sinta a pulsação do coração da cidade. Em seguida, suba a escadaria sinuosa de 366 degraus dentro do Campanário de Bruges para admirar uma vista panorâmica. Um passeio de barco pelos canais antes do anoitecer é a melhor maneira de desfrutar do clima romântico de Bruges e admirar a arquitetura, as pontes e alguns cantos encantadores da cidade.

O Museu Groeninge, com uma coleção de pinturas flamengas e belgas que abrange seis séculos, não pode faltar no roteiro de amantes de arte, enquanto o Historium é um mergulho no passado medieval da cidade.

A Bélgica também oferece algumas delícias que são totalmente imperdíveis. Experimente os melhores chocolates, empanturre-se de batatas fritas – os verdadeiros fãs de batatas fritas devem visitar o Frietmuseum de Bruges – e coma waffles no café da manhã, almoço ou jantar. A cerveja belga também é excelente, com perfis de sabores exclusivos e, frequentemente, com notas florais ou de ervas que a diferenciam das cervejas de outros países.

Experiências imperdíveis em Bruges